Divulgação online

Para ter sucesso, é imprescindível que uma revendedora saiba divulgar o seu trabalho e seus produtos. Hoje, a internet é uma forma eficaz de aproximar as pessoas e aumentar os contatos. Apostar em redes sociais, por exemplo, é uma forma simples de divulgação e que exige pouco ou nenhum investimento. Vamos conhecer melhor cada uma delas?

Antes de começar a utilizar as redes, é importante saber quais são as melhores opções para o mercado de moda e acessórios. O Facebook e o Instagram, por exemplo, são obrigatórios, devido à popularidade e por oferecerem bastante espaço para conteúdo visual.

Para entender como trabalhar nessas redes, criar páginas ou perfis, observe as ações de concorrentes e, também, da empresa que você revende os produtos. Pesquise referências no meio de semijoias e implemente algumas das boas práticas que você encontrar.

Além disso, crie e compartilhe imagens diferenciadas e de boa qualidade, aproveitando também as imagens e os vídeos que a empresa compartilha em suas redes sociais. Fotografias de semijoias atraem a atenção do público pela beleza e pelos detalhes das peças.

Outra dica fundamental é planejar suas postagens, compartilhando conteúdo com frequência. Quem deseja alcançar bons resultados não pode apenas fazer um post uma vez por mês. É necessário manter os perfis atualizados e ativos.

É muito importante, ainda, interagir com o público que você pretende alcançar. Divulgar semijoias nas redes sociais não é só um trabalho de pensar em posts criativos e publicá-los. Você também precisa ficar de olho nas interações do seu público e ter velocidade para responder as dúvidas e os demais contatos dessas pessoas.

Cada rede possui algumas características próprias, por isso, seguem algumas dicas rápidas que ajudarão na hora de organizar e postar seu conteúdo:

– Instagram:

• Utilize fotos originais;
• Estabeleça um padrão para as imagens;
• Provoque os sentidos do seu público;
• Use as hashtags para aparecer nas buscas;
• Seja criativo;
• Identifique e seja parceiro de influenciadores no Instagram;
• Promova interação através de legendas.

– Facebook:

• Crie uma fanpage;
• Planeje suas postagens;
• Use o Facebook para testes de produtos;
• Use a opinião de seu cliente de forma inteligente;
• Inspire-se nas páginas mais “curtidas” do Facebook.

– WhatsApp:

O aplicativo de mensagens WhatsApp também é uma ótima opção para fazer propaganda de semijoias. Porém, para obter êxito nessa estratégia, é importante solicitar permissão para as clientes antes de montar a lista de números de celulares. Desse modo, você poderá enviar informações sobre lançamentos e promoções.

Tome cuidado apenas para não exagerar no volume e frequência de mensagens, pois elas poderão ser vistas como spam, sendo excluídas e até mesmo bloqueadas no celular das consumidoras.

Interaja com suas clientes, responda às suas dúvidas, converse com elas e mostre que você se interessa por suas perguntas e sugestões. Com o tempo você vai perceber que suas clientes te ajudarão na propaganda, falando bem do seu atendimento e indicando seus produtos para outras mulheres.

Apresentação

O cuidado com a aparência, com a apresentação das peças e a maneira como se aborda o cliente são pontos essenciais para quem trabalha com revenda de semijoias. É importante que a revendedora tenha uma boa estratégia de marketing pessoal, trabalhando a imagem de maneira positiva.

A imagem pessoal

Ter uma imagem representável não significa se encaixar em qualquer tipo de padrão nem estar sempre com roupas caras. Todos os dias, ao sair de casa, é preciso ter em mente: “O que eu desejo conquistar?” e se produzir como alguém que já conquistou o seu objetivo, com cuidado e seriedade, fazendo o seu melhor. Estar com a roupa adequada e o cabelo arrumado, ter bom senso e se ajustar ao público passa uma imagem positiva.

A máxima “você é a sua melhor vitrine” se encaixa perfeitamente neste caso. Quando for atender uma consumidora, a revendedora deve optar por usar semijoias de acordo com as preferências previamente pesquisadas. A cliente se sentirá mais encorajada a comprar, pois verá o quanto aquele produto agrega à sua imagem pessoal e, além disso, confiará na qualidade das peças, já que a própria revendedora faz uso das semijoias.

Hoje, o marketing pessoal também deve ser estendido ao mundo digital. A forma como as pessoas se apresentam nas redes sociais, por exemplo, pode influenciar em como as clientes (ou possíveis clientes) constroem sua imagem. Fotos de perfil, postagens e a maneira como se escreve induzem as pessoas a opiniões a respeito do outro. Não quer dizer que uma revendedora deva deixar de ser ela mesma e passar a ser apenas uma representação do seu “eu profissional” nas redes, mas, caso queira investir no marketing pessoal de verdade, uma dica importante é utilizar os canais como resumos daquilo que deseja transmitir.

A imagem do produto

Antes de levar as peças para expor, a revendedora deve fazer uma limpeza com produtos próprios para semijoias e garantir que elas fiquem brilhando. É bom conferir se as peças estão sujas e se há algum pino torto ou quebrado. Outra questão importante é a quantidade de peças no mostruário. Se estiver vazio demais, pode passar a impressão de falta de produtos; se estiver cheio demais, leva o cliente a pensar que as peças não estão saindo. Uma dica é guardar tudo o que couber na maleta ou no estojo de maneira organizada e, caso ache necessário, levar outras peças embaladas em saquinhos plásticos.

Na hora da organização, o ideal é juntar cada tipo de peça com suas respectivas famílias, como anéis com anéis, brincos pequenos separados dos grandes e assim por diante. Isso melhora a visualização da cliente e faz com que ela vá diretamente ao que mais chama a sua atenção.

Além disso, a revendedora deve fazer uso das embalagens oferecidas pela empresa de semijoias, direcionadas corretamente para cada ocasião. Como sabemos, uma imagem vale mais que mil palavras!