Atendimento

Para ser uma boa revendedora, é preciso ir além. Enxergar o cliente como um divulgador do seu trabalho e entender que é necessário compreender suas necessidades e preferências, além de sempre manter um contato direto.

Primeiramente, você deve atentar para o fato de que todas as pessoas à sua volta são clientes em potencial. Por isso, comece oferecendo suas semijoias para amigas, familiares, colegas de trabalho, vizinhas etc. Não é uma obrigação iniciar o atendimento dessa forma, contudo fica mais fácil captar clientes quando você já as conhece e tem contato permanente. Na maioria das vezes, elas terão prazer em ajudar e espalhar para outras pessoas o que você está vendendo.

Uma dica básica, porém extremamente importante quando se trata de atendimento, envolve uma palavrinha mágica chamada “diálogo”. Parece simples, mas uma conversa eficiente vai além de apenas lançar informações, por mais comunicativa que uma revendedora possa ser.

Claro, é muito importante interagir, ter um bom papo e saber o que dizer, entretanto uma boa revendedora precisa ser, antes de tudo, uma boa ouvinte. Deixar espaço para que sua cliente fale e mostrar-se interessada no que ela tem a dizer são atitudes que fazem muita diferença. Inclusive, as palavras que a cliente diz servem como guia de venda. Ela pode dar informações sobre uma festa que vai, sobre o aniversário da filha, sobre o que gosta de usar e tudo isso é oportunidade para que a revendedora vá direto ao ponto na hora de apresentar as semijoias.

Também é importante ser simpática e atenciosa, pois conversar com uma pessoa bem-humorada, sorridente e simpática torna tudo melhor. Só é preciso cuidado para não forçar a barra. Sermos nós mesmas é sempre a melhor solução e um sorriso ou um elogio devem acontecer naturalmente durante a conversa. Além da cordialidade e da educação, a simplicidade transmite empatia.

Essas questões nos levam até outro ponto importante do atendimento: colocar-se no lugar da cliente. Quando uma revendedora se dispõe a isso, buscando entender o que ela sente ou busca e o que determinado acessório representa, certamente faz com que qualquer cliente se sinta importante e valorizada. Chamá-las sempre pelo nome também é um simples ato que ajuda nessa jornada. A confiança gera sintonia e esta, por sua vez, leva à motivação para comprar, não só naquele momento, mas constantemente.

A personalização do atendimento

Após conseguir as primeiras vendas, a revendedora precisa fidelizar suas clientes, ou seja, fazer com que aquele contato não seja o único e que as pessoas continuem comprando suas semijoias em outras ocasiões. Sendo assim, uma boa revendedora deve fazer uma análise de cada cliente, pensando em seus objetivos, sua situação, suas necessidades e seus critério de decisão. Dessa forma, poderá mostrar como suas semijoias atendem a cada necessidade e antecipar qualquer dificuldade ou procura.

Para saber para quem está vendendo, é fundamental que a revendedora colha informações sobre o perfil de suas clientes. Por exemplo, se ela está atendendo uma cliente mais básica, não adianta oferecer brincos grandes ou pingentes chamativos. Ao contrário, deve-se apresentar acessórios discretos e que tenham a ver com o seu estilo, respeitando a natureza de cada uma. Uma revendedora comum vê seu público como um número que pagará suas contas quando comprar e pagar pelo produto. Uma revendedora especial ama vender e procura entender e conhecer cada cliente, tornando-se uma amiga em quem se pode confiar.

Problemas! E agora?

Alguns problemas certamente surgirão nesse relacionamento revendedora x cliente. É natural que aconteçam rejeições, que a venda não ocorra todas as vezes que a revendedora entrar em contato com a cliente. Entretanto, é preciso entender que isso não significa uma derrota ou que a causa das falhas é a falta de capacidade ou uma questão pessoal. O cliente que não aceita uma proposta está rejeitando uma transação e não a pessoa.

Não é raro ouvir muitos “nãos” até ter uma clientela fixa, por isso a persistência é essencial na fase em que o seu negócio ainda está começando. Mantenha contato com os seus clientes, procure novos, apresente os seus produtos de uma maneira mais criativa. Dê espaço quando necessário e entenda a diferença entre persistir e insistir, pois o exagero afasta mais do que aproxima.

Dicas especiais!

Separamos ainda algumas dicas de atendimento que podem fazer toda diferença para atrair clientes e fidelizá-los. Nos primeiros contatos, por exemplo, existem técnicas para ajudar nas vendas:

– Storytelling: Trata-se de contar uma história para a cliente que envolva determinadas peças, com a finalidade de deixá-la encantada por elas. Imagine que uma pessoa se mostre interessada por determinados brincos. A revendedora, então, conta para ela que outra cliente levou um igual para usar em uma festa e que, combinados ao look básico escolhido para a ocasião, fez muito sucesso. Esse comentário pode despertar a imaginação de uma mulher e persuadi-la a comprar as peças.

– Up-selling: Neste caso, a revendedora agregará valor a uma compra que a cliente já está disposta a fazer, mostrando que a semijoia que ela está levando, muito mais do que um simples produto, possui, por exemplo garantia estendida, design exclusivo e materiais antialérgicos.

– Cross-selling: Aqui, a revendedora oferece um produto complementar ao que a cliente já está levando, como um conjunto com brincos e um colar. A princípio, a venda seria apenas de um anel, porém a revendedora elaborou um kit de produtos relacionados que chamaram a atenção da cliente.

Além dessas técnicas de venda, também é importante valorizar as clientes mais fiéis, oferecendo vantagens para elas, como uma porcentagem de desconto ou um pagamento parcelado, dentro das suas possibilidades. Se a revendedora já conquistou a cliente e ela se tornou uma compradora frequente, é necessário fortalecer a fidelização, até mesmo oferecendo algum lançamento em primeira mão ou um brinde em datas especiais.
Para finalizar, dê suporte no pós-venda. Se a cliente, depois de fazer uma compra, tiver problemas com os acessórios, a revendedora é a primeira pessoa na qual ela pensará para tentar resolver a questão. Tenha em mente que a cliente é a sua maior riqueza, por isso deve ser tratada como tal.

2 thoughts on “Atendimento

Deixe uma resposta para Consultora Styllus Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *